domingo, 23 de dezembro de 2007

O mito da cidade pequena

Escrevo de Tupi Paulista, uma pequena, pequena, pequena cidade, com pouco mais de dez mil habitantes, no coração do fim do mundo. E é interessante observar como as pessoas se comportam por aqui. Como é final de ano, há um atípico movimento nas ruas, ou melhor, na rua, ou seja, uma das únicas avenidas do município. Sendo assim, pouco depois do anoitecer, os cidadãos põem suas melhores roupas e saem para passear pela avenida, andando para lá e para cá, tomando sorvetes e comendo pastéis. Para quem tem carro, a regra é a mesma: ir e voltar, com o som alto (e ruim), ostentando e tentando se divertir.
E o que fazem eles nos outros 350 pacatos dias do ano? Naqueles onde não há movimento, não há Baile do Havaí, ou quermesse em frente à igreja? Colocar a cadeira em frente ao portão e fofocar com (e sobre) a vizinhança, é claro. Uma monótona vida de interior. E esses jovens que passeiam nas ruas de natal hoje, amanhã estarão com filhos pequenos, trabalhando nesses mesmos locais onde eles tentavam se divertir. Então seus filhos crescerão, e logo terão netos e uma modesta aposentadoria para sobreviver e regar as samambaias. E para pagar o dízimo, por que não? Quando se derem conta, já estarão pagando seus planos funerários e indo a mais velórios do que festas de aniversário.
Claro que há aqueles que saem e vão viver num lugar maior, onde há shoppings e McDonald's. É graças a uma dessas pessoas que estou escrevendo aqui hoje. Entretanto, é para poucos que vale a máxima de Terry Pratchett, sobre "aquelas cidades que só existem para as pessoas saírem de lá". Apesar do marasmo e das enfadonhas perspectivas, é isso o que elas têm e é lá onde elas vão ficar.

4 comentários:

Igor! disse...

"Quando se passa muito tempo em um lugar, você se torna parte desse lugar"

El Hombre Fuerte disse...

Tienes internet en Tupi Paulista?

chozo; disse...

com tantos detalhes, consegui me enxergar no meio de toda a multidão...

la chica pomposa disse...

Qué tal una rosca para te desenroscar deste lugar, hombre !!