quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Saguis refugiados no quintal

Vou contar meu drama, não que seja uma drama propriamente dito, para mim é um drama, um super drama, um dramalhão, uma moléstia. Moro num condomínio de chácaras, até aí tudo bem, qualquer um pode morar numa chácara, criar galinhas, porcos, gansos, tucanos, macacos, abrir poços artesianos ilegais, achar petróleo ou até ter cães. No entanto, o problema reside ao lado. Não ao lado de minha chácara, nem ao lado da chácara vizinha. Mais ao lado. Ao lado do condomínio existe uma estação de tratamento de lixo. Sim, também não há problemas, contanto que o lixo não sintetize aquele fétido azedume ao qual já estamos acostumados a sentir passando por perto de bueiros alarmados pelas enchentes, tudo bem, até aí tudo bem. E o problema tampouco se encontra nos urubus, pobres carniceiros, e que é absolutamente normal vê-los rodeando corpos putrefatos que de quando em vez aparecem, ou mesmo o lixo, que seja, até aí, cacete, até aí tudo bem! O problema está nas árvores.
-Arvores?
É, não nas árvores, mas nos ENERGÚMENOS que resolveram cortá-las e queimá-las não sei porquê. Aconteceu há cinco meses, e ainda hoje convivo com um incêndio - que se diz controlado - e que dura cinco carbonizados meses. E nós, aqui do outro lado do muro - morremos em doses homeopáticas inspirando esse ar, que causa tosse à mais saudável e disposta criança - já saímos de cima do muro há tempos. Os moradores já realizaram um abaixo assinado (é sempre a primeira alternativa, nunca aprendem, esses tolos), tiraram fotografias, chamaram a polícia que olhou e só olhou, bombeiros dizem já estar controlado. Nada. Detalhe para a umidade do ar abaixo dos 10%, estado de emergência, este insuportável calor já relatado por Tomas no post abaixo, e essas brasas que não cessam. O próximo passo será a imprensa. Imparcialidades à parte (trocadilhos, trocadilhos, não vivo sem eles) me diga, de que adianta um Wilson Toni aqui na pista, em forma de passarela?

5 comentários:

Tomas disse...

DEVER SER O CAPETA! O CAPETA ESTÁ LÁ! ACHAMOS O DEMÔNIO!

assis disse...

é realmente o problema na amazônia é muito grave..... ahhahahah briincadera... noossa com qm q vc ta fazendo redação?? com o jacob? ele deve estar te dando aulas particulares, pq vc ta virando um menino mto culto... ;) ahhahahahah

´´e realmente o problema das queimadas do lado da sua casa é mtuito preocupante, esses energumenos relamnete não tomam jeito.. devem estar influenciados pelo demonio msm....


bejos bejoss

disse...

Nossa, e o pior, os vereadores votaram, praticamentem, a favor das queimadas, e eu que pensei que poderia melhorar com o projeto dessa lei que proibiria esse inferno de foligem preta, que já me fez tomar 2 vidrões de comprimidos de amoxilina, cansei de tanto ligar para Cetesb, e nothing at all. Esse projeto não deveria nem ter ido para votação, e sim já entrado em prática, como o projeto dessas ''urnas eletrônicas'' mais modernas do mundo, pra quê isso? Acho que a ansiedade de um candidato para saber o resultado de uma eleição deve ser a mesma de um humilde cidadão que espera para ser atendido num posto de saúde.(rs) Nem preciso compara as duas eficiências.
''Não adianta atropelar os bois na frente dos carros''. Até quando esse dinheiro... AFF!

TUDO CULPA DO DEMO!!!!

Jorge disse...

chama o CQC!!!!!!!

Ingrid disse...

Até hoje eu sinto, às vezes, quando saio para a garagem, aquele cheiro desagradável, mas não é constante como era antes.