sábado, 8 de agosto de 2009

Odeao Ócio

pensar pensar,
acatar Capitular
olhar o Nada
olhar ao nada

Nada ao Nada
despreencher o Vazio, lentamente mente
mentir?
pensar Pensar

mudar Alvoroçar
revo revolucionar a Mente a mente
filosofar com confabular

Com si.
É o ócio, esse bicho
que enlouquece espertecendo.

Um comentário:

Duda disse...

sempre bom ler um poeminha do Bel com o Faustao de domingo..nao se ofenda, por favor! hahahahaa beijos